Novidade do “Quem Tem Medo de Cozinha?”

IMG_3727

Baunilha com doce de leite, damasco e nozes. Cobertura de chantininho espatulado e decoração em chantininho colorido e suspiros. O unicórnio em pasta é da “Maria com Açúcar”

Temos uma boa notícia para você que sempre perguntou sobre nossos bolos e sobre a possibilidade de encomendas e comercialização. Agora você poderá ter os nossos bolos na sua casa! Sim, isso mesmo! Depois de muita pesquisa, vários testes, degustações  entre amigos e parentes, montamos um catálogo com bolos de vários tipos (tradicionais de corte, decorados com chantininho, brigadeiro, buttercream, drip cake, naked cake, mini naked cake…) e sabores! São bolos personalizados, feitos artesanalmente, com os melhores ingredientes e muito carinho! Para mais informações ou para receber o nosso catálogo, envie um email para: quemtemmedodecozinha@gmail.com

Bem-vindos ao “Quem tem medo de cozinha?”

Se você tem medo de cozinha por achar que não sabe cozinhar, esse é o seu lugar! No “Quem tem medo de cozinha?” você vai descobrir que todo mundo é capaz de fazer um prato lindo e saboroso se tiver coragem, disposição, e claro, se seguir o passo a passo da receita direitinho. Vai descobrir também que cozinhar pode ser uma ótima forma de divertimento e  uma deliciosa forma de relaxar. Arquiteta por formação, fotógrafa por opção e chef – da minha cozinha – por diversão, neste blog postarei minhas receitas preferidas de petiscos, entradas, pratos principais, acompanhamentos, sobremesas, todas muito práticas e gostosas. Receitas fáceis que irão fazer você perder o medo da cozinha! Pretendo também dar dicas de lugares para compra de ingredientes, dicas de restaurantes, de bares, de cafés, entre outros pitacos gastronômicos. Então chega de medo, tome coragem, mãos à obra e bon appétit!

Dedico este blog a minha irmã Carolina, meu cunhado Renan, e a todos os amigos que sempre me pedem receitas. Por aqui será mais fácil compartilhá-las com todos de uma só vez! Dedico também este pedacinho das minhas aventuras gastronômicas ao meu companheiro Carlos que – sem medo – tem sido cobaia de minhas experiências na cozinha, e aos meus pais, com quem aprendi a gostar de cozinhar e de comer bem!