Nhoque de abóbora

Adoro nhoque! O tradicional – de batata asterix – é um dos meus favoritos. Porém, variar é sempre bom, não é? Ultimamente tenho experimentado os vários tipos de nhoque. Já fiz o de batata doce roxa, o de batata doce branca, o de banana da terra, e ontem fiz o de abóbora, que entre todos, achei o mais complicadinho. Como a abóbora é muito úmida, solta muita água, fica um pouco difícil de dar o ponto, ou seja, a massa fica mais “mole”, não fica tão sequinha como no caso da massa de batata. Mas nada que alguns truques não resolvam. Um deles, é ao invés de cozinhar a abóbora em água, optar por assá-la. Então vamos à receita?

PARA COZINHAR A ABÓBORA NO FORNO

Envolva a abóbora em papel alumínio e leve ao forno até ficar macia.

PARA COZINHAR ABÓBORA NO MICRO-ONDAS

Lave a abóbora (não precisa tirar a casca) e ainda úmida coloque em um recipiente próprio para microondas. Cubra com com uma folha de papel toalha e leve ao microondas na potência alta por aproximadamente 12 a 15 minutos. Quando estiver macia, retire do microondas e espere esfriar. Tire as sementes e com uma colher retire a polpa cozida da abóbora.

INGREDIENTES 

– 2 xícaras de chá de abóbora cozida/assada e amassada (mais ou menos 600 g)
– 1 ovo
– 1 e 1/2 xícara de chá de farinha de trigo ( e mais um pouco para a hora de enrolar)
– 1 colher de chá rasa de sal rasa

MODO DE PREPARO: Coloque a abóbora, o ovo, o sal e a farinha de trigo em uma tigela. Misture tudo até ficar uma massa homogênea. A massa não fica totalmente seca, fica uma massa mais mole. Se ficar muito mole, acrescente um pouco mais de farinha de trigo, isso vai depender do tamanho do ovo e do tipo de abóbora. Depois, pegue pequenas porções da massa, coloque em uma superfície polvilhada com farinha de trigo e faça bolinhos. Corte pedacinhos do rolinho com mais ou menos 1,5 cm. Vá colocando os pedacinhos em uma forma polvilhada com farinha de trigo. Coloque uma panela com água no fogo para ferver. Assim que a água ferver, coloque sal e vá colocando os pedacinhos de nhoque na água fervente. Assim que os nhoques começarem a subir para a superfície da água, retire-os com uma escumadeira e coloque-os em uma forma preparada com um pouco de azeite, apenas para que não grudem. Sirva com o molho de sua preferência.

Dicas

Não use a abóbora morna para fazer a massa, espere ela esfriar totalmente. Isso ajuda no ponto da massa.

Eu optei por servir o nhoque com molho branco, mas ele também vai muito bem com molho de manteiga, com molho de queijo, com molho bolonhesa, com molho de carne seca.

 

Sopa de abóbora com gengibre

Nem só de sopa é feito o inverno mas também não podemos deixá-la de fora do especial de inverno do QTMDC, né? Afinal, tem coisa mais gostosa do que chegar em casa num dia frio e nublado como o de hoje em Sampa e se aquecer com uma sopa quentinha? E para esquentar ainda mais e dar um sabor todo especial, um toque de gengibre é sempre bem vindo! Então vamos à receita?

Ingredientes

– 1/2 abóbora japonesa descascada e cortada em cubos.

– 1 pedaço de 5 cm de gengibre fatiado.

– 1 cebola cortada em 4 partes.

– 3 dentes de alho descascados.

– 1 1/2 l de água.

– sal e pimenta-do-reino a gosto.

– azeite a gosto.

Modo de Preparo:  coloque a água em uma panela grande. Junte a abóbora cortada em cubos, o gengibre, o alho, e a cebola. Leve ao fogo médio e, assim que começar a ferver, tampe a panela e deixe cozinhar por 40 minutos. Transfira o cozido para um liquidificador – se não couber tudo, bata em etapas. Tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto. Se preferir, deixe a sopa esfriar completamente antes de transferi-la para o copo do liquidificador. Volte a sopa para a panela e verifique o sabor. Se quiser, tempere com mais sal e pimenta-do-reino. Regue um fio de azeite e decore com salsinha picada!

Dica

Essa sopa também fica uma delícia se servida com iogurte. Coloque a sopa em um prato fundo e no centro, uma colher de sopa de iogurte natural. Fica especial!