Ragu de acém com polenta mole

Vamos começar a semana com comida de verdade? Essa polenta mole com ragu de acém é a combinação perfeita para essa segunda-feira fria paulistana. Conforta e sacia de uma forma deliciosa!

INGREDIENTES PARA O RAGU

– 500g de acém em cubos
– 1 cebola média
– 2 dentes de alho
– 3 tomates maduros
– ½ xícara de chá de salsinha picada
– ½ xícara de chá de cebolinha picada
– 2 colheres de sopa de óleo
– 1 colheres de sopa de extrato de tomate
– 1 colher de chá rasa de sal
– 1 litro de água

MODO DE PREPARO: pique a cebola e o alho em cubinhos. Pique fino a salsinha e a cebolinha. Reserve. Faça um corte em X na base de cada tomate. Coloque os tomates numa panela com água fervendo por alguns segundos. Prepare outra tigela com água e gelo. Retire os tomates da panela e mergulhe-os na tigela. Pelo X, puxe a pele como se fossem quatro folhas. O choque térmico faz com que a pele se desprenda facilmente. Corte os tomates em quatro, retire as sementes e corte-os em cubos grandes. Aqueça uma panela de pressão no fogo alto por 2 minutos. Acrescente o óleo de canola, o alho, o acém e tempere com sal. Refogue por cerca de 7 minutos até dourar a carne. Junte a cebola e o extrato de tomate e deixe cozinhar por mais 5 minutos. Acrescente o tomate picado e 1 litro de água. Tampe a panela de pressão, abaixe o fogo para médio e deixe cozinhar por 40 minutos. Desligue o fogo e, quando acabar a pressão da panela, destampe. Coloque a carne num prato e com um garfo, desfie a carne volte à panela. Junte a salsinha e a cebolinha. Leve ao fogo médio e assim que ferver, desligue.

INGREDIENTES PARA A POLENTA

– 1 xícara de chá de fubá
– 5 xícaras de chá de água
– 1 colher de sobremesa de sal
– 2 colheres de chá de queijo parmesão ralado

MODO DE PREPARO: em um refratário, misture 1 xícara de água fria com o fubá e mexa com um batedor de arame até ficar homogêneo. Numa panela grande, aqueça o restante da água (4 xícaras) em fogo médio. Quando ferver, acrescente o sal e abaixe o fogo. Acrescente a mistura de fubá de uma vez, mexendo com o batedor de arame vigorosamente. Deixe cozinhar por cerca de 20 minutos, mexendo agora, com uma  colher de pau. A polenta estará pronta quando se desprender das paredes e do fundo da panela. Acrescente o queijo parmesão e misture bem até que ele derreta. Coloque um pouco de polenta num prato fundo, e cubra com o ragu. Polvilhe com a salsinha e sirva em seguida.

 

Anúncios

Hambúrguer de fraldinha

IMG_1948.JPGAproveitando que hoje é sexta-feira postiça, pois amanhã é feriado 😎, volto depois de algum tempo sumida para deixar aqui uma das receitas que as pessoas mais me pedem, a receita do meu hambúrguer. Parece que preparar hambúrguer é algo simples, apenas moldar a carne, fritar e pronto. Mas na prática não é bem assim. É claro que não é um prato complicado, é fácil de fazer, porém, o sabor vai depender do tipo da carne utilizada, do modo como você a prepara, do ponto da carne… Eu particularmente, adoro o meu bem alto e ao ponto para mal passado, pois fica beeem suculento e macio. Uso a fraldinha, que é uma carne que tem um pouco mais de gordura, o que é importante nesse caso, porque da mais sabor. Para o tempero, apenas sal, mas capricho nos adicionais: queijo, bacon, cebola caramelizada… Hum, já estou com água na boca!

INGREDIENTES

– 500g de fraldinha moída duas vezes.
– 1 0v0.
– 1 colher de chá de farinha de trigo.
– 1 colher de chá de sal refinado.

IMG_1947.JPG

MODO DE PREPARO: Em um recipiente, misturar todos os ingredientes com as mãos, até que fique uma massa homogênea. Após, começar a moldar os hambúrgueres: dividir a carne em quatro ou cinco porções (eu divido em quatro, pois gosto do hambúrguer bem alto e com o diâmetro correspondente ao do pão, mas se você quiser fazer menor, essa quantidade de carne rende até cinco hambúrgueres), fazer uma bolinha com cada porção, e ficar jogando uma por vez, de uma mão para a outra, para compactar a carne. Fazer isso durante alguns segundos, e depois dar o formato do hambúrguer. Esquentar bem uma frigideira antiaderente. Quando estiver bem quente, unte-la apenas untada com azeite, e grelhar os hambúrgueres por 4 a 8 minutos de cada lado, dependendo do ponto que você vai querer. Quando a carne já estiver quase no ponto desejado, colocar o queijo por cima, e tampar a frigideira, para que ele derreta. Deixar grelhar mais um pouco e transferi-los para um recipiente onde possam descansar por alguns minutos. Isso servirá para que o líquido que eles liberam geralmente escorra e não molhe o pão. Depois é só montar com os adicionais que você preferir, e saborear!

IMG_1949.JPG

DICAS

Ao grelhar o hambúrguer, coloco mais um pouco de sal moído na hora por cima.

Para os adicionais, gosto de usar  o queijo cheddar, ou o queijo prato, ou a mussarela, cebola caramelizada, bacon tostado, e claro, mostarda e ketchup. Já fiz uma versão também apenas com queijo brie e cebola caramelizada e ficou muito bom!

Aí embaixo vai um vídeo do passo a passo!

 

 

 

 

Molho de queijo gorgonzola para acompanhar carnes

Muita gente não curte queijo gorgonzola ou queijo roquefort por causa do seu sabor forte e marcante. Eu adoro justamente por causa disso! Seja para comer puro ou acompanhado (já tentou com goiabada? Fica uma delícia!), ou usar como ingrediente em algum tipo de preparo, o gorgonzola é sempre muito bem-vindo aqui em casa. Nesse molho ideal para acompanhar carnes vermelhas, e que tem como base o molho béchamel, ele fica bem suave.

Ingredientes

– 1 colher de sopa de manteiga.
– 1 colher de sopa de farinha de trigo.
– 250 ml de leite.
– 1/4 de xícara de chá de queijo gorgonzola picado.
– 1 pitada de noz moscada.
– sal e pimenta do reino a gosto.

Modo de preparo: em uma panela, coloque a manteiga em fogo baixo. Quando derreter, acrescente a farinha de trigo e mexa vigorosamente até ficar levemente dourada. Essa parte é importante para cozinhar a farinha. Retire a panela do fogo e com uma batedor de arame, acrescente o leite gelado de uma só vez, sempre mexendo. Volte ao fogão, aumentando o fogo para médio, e continue mexendo sem parar até ferver. Quando ferver, abaixe o fogo e vá mexendo até engrossar. Acrescente o queijo gorgonzola picado, tempere com sal, pimenta do reino e noz moscada a gosto.

 

Dica

Nessa apresentação da foto, eu usei o molho como acompanhamento para picanha, mas ele também vai muito bem com filé mignon.

No prepararo a carne, utilizei apenas sal e pimenta do reino moída na hora como temperos, e grelhei em manteiga com um fio de azeite.

 

 

 

 

Chuleta com batatas rústicas e molho barbecue

Quem adora carne levanta a mão! 🙋🏻Eu gosto muito, e quando o dia está assim então, nublado e mais friozinho, da ainda mais vontade de comer um daqueles bifes bem suculentos! Por isso,  hoje vou postar uma receita bem prática, rápida e saborosa de carne: chuleta com batatas rústicas e molho barbecue. Como os acompanhamentos – as batatas rústicas e o molho barbecue – já postei aqui outro dia, fica bem mais fácil. É só dar uma olhada no preparo de carne, que é super simples, e pronto!

Ingredientes

– a quantidade que desejar de chuleta.

– manteiga em temperatura ambiente.

– sal grosso.

– tomilho.

Modo de preparo: passar 1/2 colher de sobremesa de manteiga em temperatura ambiente nos dois lados da carne. Para facilitar,  use as costas da colher, como mostra o vídeo. Em seguida, tempere com o sal grosso e tomilho. Deixe descansar por alguns minutos para pegar o sabor do tempero. Esquente bem uma frigideira antiaderente, unte a frigideira com meia colher de chá de manteiga e frite a chuleta por aproximadamente 1 minuto e 30 segundos de cada lado. Coloque em um refratário, regue com um pouco do molho barbecue e leve ao forno pré-aquecido a 200°C por 8 minutos. Sirva em seguida com batatas rústicas.

 

Dica

O sal grosso pode ser substituído por sal refinado.

O ponto da carne depende da sua preferência e da altura do bife. Se gosta de carne mais bem passada, o tempo de forno pode ser maior. Se o bife for mais alto que o utilizado na receita, o tempo de forno também pode variar. O tempo especificado na receita é para um bife baixo, ao ponto.

Se quiser servir sem o molho barbecue, apenas  com o tempero de manteiga e ervas, também fica ótimo! Aliás, se quiser, pode acrescentar alecrim ao tempero. Achei melhor temperar apenas com tomilho porque as batatas já levam alecrim.

Assista ao vídeo da receita:

Molho barbecue rápido

Receita relâmpago de molho barcebue. Simples e rápido, é só misturar tudo na panela! Com esse molhinho as carnes ficarão muito mais gostosas e atraentes, especialmente as carnes de porco. Experimente!

Ah, a receita é tão prática que deu tempo até de fazer um vídeozinho explicativo! 😎

Ingredientes

– 1/2 xícara de chá de açúcar mascavo.

– 4 colheres de sopa de molho inglês.

– 1/2 xícara de chá de mostarda.

– 1 xícara de chá de ketchup.

– 1/2 xícara de chá de vinagre branco.

– 1 xícara de chá de água.

– 1 colher de chá de pimenta-do-reino.

– 1 pitada de sal.

Modo de preparo: em uma panela grande,  misturar todos os ingredientes. Levar ao fogo alto mexendo, até começar a ferver. Quando começar a ferver, abaixar o fogo e deixar cozinhar por aproximadamente 20 minutos.

Assista o vídeo da receita:

Strogonoff de carne

IMG_9126Apesar do Strogonoff ser um prato de origem russa, ele tornou-se muito popular também em outras partes do mundo: em vários países da Europa, dos Estados Unidos, e inclusive no Brasil. E como não podia deixar de ser, cada região fez a sua adaptação e portanto, hoje em dia, o prato tem muitas variações da sua receita original. A que eu costumo fazer também não é nenhuma receita super tradicional não. Assim como  a maior parte dos pratos que faço, eu vou adaptando ao meu gosto, aos ingredientes que tenho à mão no momento, e claro, à praticidade de execução. Com o Strogonoff não é diferente. Por exemplo, eu não flambo a carne… Afinal, não é todo mundo que tem um conhaque em casa dando sopa. E no final das contas, eu acho que o fato de não flambar não faz taaanta diferença assim no todo. Bom, vocês podem testar a receita e depois me dizer o que acharam! Serve duas pessoas.

Ingredientes

– 2 colheres de sopa de manteiga.

– 350g de filé mignon cortado em cubos.

– 1/2 cebola picada.

– sal a gosto.

– pimenta-do-reino a gosto.

– 50 g de champignons em conserva fatiados.

– 1 tomate pelado picado (uso os de lata)

– 2 colheres de sobremesa de ketchup.

– 1 colher de sobremesa de mostarda.

– 3 colheres de sopa de creme de leite sem soro.

Modo de preparo: Em uma panela, derreta 2 colheres de sopa de manteiga e refogue a cebola. Adicione a carne, e doure em fogo alto para não juntar suco. Se juntar mesmo assim, cozinhe até que seque um pouco. Tempere com o sal e a pimenta-do-reino. Junte os champignons. Acrescente os tomates, o Ketchup e a mostarda e misture bem. Abaixe o fogo, tampe a panela e deixe cozinhar por cerca de 5 minutos. Incorpore delicadamente o creme de leite e retire do fogo antes de ferver. Sirva com arroz branco e batata palha.

Dicas

Para dar um sabor especial, adiciono algumas gotinhas de molho inglês na carne ( umas 5 ),  ao mesmo tempo que tempero com sal e pimenta.

Se você não quiser usar filé mignon, pode substituir por contra-filé ou alcatra. Diferentemente do não uso do conhaque, isso altera um pouco o sabor, mas também fica gostoso!