Canjica

Para continuar na sequência das receitas de festas juninas e comemorar a chegada do inverno, que começa hoje, que tal uma canjica quentinha? Essa receita é realmente excepcional, tenho certeza que você nunca comeu uma canjica tão cremosa como essa!

INGREDIENTES

– 1 xícara de chá de canjica
– 1 litro de água
– 1 garrafa de leite de coco (200 ml)
– 2 canelas em rama
– 1 xícara de leite
– 1 lata de leite condensado
– canela em pó para polvilhar

MODO DE PREPARO: numa tigela grande coloque a canjica e regue com a água. Cubra com um prato e leve para a geladeira. Deixe de molho por 12 horas. Passado o tempo do demolho, transfira a canjica com a água para a panela de pressão. Junte o leite de coco e a canela em rama e misture. Tampe a panela e leve ao fogo médio para cozinhar. Quando começar a apitar, diminua o fogo e deixe cozinhar por 25 minutos. Após os 25 minutos de cozimento, desligue o fogo e espere toda a pressão sair antes de abrir. Abra a panela, misture 1 xícara de leite e 1 lata de leite condensado e mexa bem. Leve a panela sem a tampa de volta ao fogo baixo e deixe cozinhar por mais 10 minutos, mexendo de vez em quando. Transfira a canjica para um recipiente, polvilhe canela em pó, e pronto!

DICA

Se quiser uma canjica menos cremosa, é só adicionar mais leite.

Se quiser, também pode adicionar cravo junto com a canela em rama. Confesso que prefiro sem, pois não sou muito fã de cravo.

Bolo de pamonha

Continuando no tema das festas juninas e aproveitando o friozinho que tem feito em Sampaulo nesses últimos dias, resolvi fazer hoje um bolo de milho que a gente pode comer quentinho! Ele fica tão cremoso, que foi apelidado de bolo de pamonha, e ao invés de usar o garfo, o ideal é comê-lo em colheradas. Pode-se dizer que é um exemplar perfeito da “comfort food” brasileira. Acompanhado de um cafezinho então, nem se fala. Hum… É comer e se sentir acariciadx…

INGREDIENTES
–  2 xícaras de chá de milho em lata (sem a água) ou milho cru debulhado.
– 1 xícara de chá de leite
– 2/3 de xícara de chá de açúcar
– 1 colher de sopa de manteiga em temperatura ambiente
– 2 ovos
– 1/4 de xícara de chá de fubá
– 1 colher de sopa de fermento em pó
– manteiga e fubá para polvilhar
– canela em pó a gosto para polvilhar


MODO DE PREPARO: preaqueça o forno a 180 ºC (temperatura média). Unte com manteiga um refratário pequeno. Polvilhe com fubá. No liquidificador coloque o milho, o leite, o açúcar e a manteiga. Bata até triturar bem os grãos. Acrescente os ovos e bata para misturar. Junte o fubá e o fermento e bata apenas para misturar – a consistência da massa é bem líquida. Transfira a massa de bolo para o refratário untado e leve ao forno preaquecido. Deixe assar por cerca de 45 minutos até começar a dourar na superfície. Para verificar se o bolo está assado espete um palito: o bolo deve estar assado na superfície mas ainda cremoso no centro. Retire do forno e deixe esfriar. Sirva polvilhado com canela em pó.

DICAS

Já que esse bolo é cremoso para comer quente ou frio, em colheradas e não em fatias, você também pode assá-lo em recipientes individuais, assim como eu fiz!